Jovem vítima de disparo de arma de fogo no rosto morre no HEDA

Jovem vítima de disparo de arma de fogo no rosto morre no HEDA

Marcelo de Freitas Carvalho, 21 anos, que estava internado no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), vítima de disparo de arma de fogo no rosto, morreu na noite de domingo (17/05). Ele foi ferido quando tentou invadir a casa de João Batista Alves, 55 anos, na noite de segunda-feira (04/05), no Bairro Portinho, em Parnaíba, litoral do Piauí.

No dia do ocorrido, João Batista Alves informou ter reagido em legítima defesa e inclusive se apresentou à polícia. Marcelo Carvalho tinha endereço na Avenida Gilberto Pereira de Sousa, Bairro Portinho. Uma equipe do IML fez a remoção do HEDA ainda na noite e ontem.

ENTENDA O CASO

Homem tenta invadir casa e é recebido à bala 

Resultado de desentendimentos, Marcelo Freitas Carvalho, 21 anos, invadiu a casa de João Batista Alves, 55 anos, por volta das 20h de segunda-feira (04/05), no Bairro Portinho, em Parnaíba, litoral do Piauí. O fato é que Marcelo Carvalho foi recebido com disparo de espingarda que lhe feriu o rosto.

João Alves teria reagido devido na noite anterior ter sofrido ameaças de Marcelo, que teria efetuado dois disparos de arma de fogo em via pública. Uma guarnição do Grupamento de Atendimento Especializado à Criança Idoso e Mulher (GAECIM), comandada pelo sargento Viana Neto, foi ao local, bem como o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). João Batista Alves informou ter agido em legítima defesa.

As informações são do Portal Costa Norte.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.